Lula é condenado a nove anos de prisão na Lava Jato

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi condenado pelo juiz Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, em uma ação penal que envolve o caso da compra e reforma de um apartamento triplex em Guarujá, no litoral de São Paulo.

Lula foi condenado a nove anos e seis meses. A sentença foi publicada nesta quarta-feira (12).

O juiz federal Sérgio Moro negou pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para que fossem juntados à ação penal que julga a propriedade do tríplex no Guarujá, 11 depoimentos colhidos em outro processo da Operação Lava Jato.

“A instrução já se encerrou faz tempo, as alegações finais foram apresentadas e o processo está concluso para sentença”, justificou o magistrado. Ao indeferir o pedido, Moro disse, ainda, que os depoimentos “sequer são relevantes para o julgamento da presente [ação penal]”.

Ao pedir a Moro que os depoimentos fossem emprestados de um processo a outro, os advogados de Lula argumentaram que tais provas “demonstram diversas inconsistências das hipóteses acusatórias comuns à acusação desta ação penal”.

Sergio Moro está com os autos do processo para sentença desde o dia 21 de junho.

Mais notícias para você

Pela Web

loading...

você pode gostar também Mais do autor

Comentários