Cacau do Pandeiro - Foto: Peterson Azevedo / Divulgação
Cacau do Pandeiro - Foto: Peterson Azevedo / Divulgação

A Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura do Rio de Janeiro está apresentando um dos mais interessantes projetos culturais da agenda carioca. O documentário “Cacau do Pandeiro – O mundo na palma da mão” mostra a trajetória artística de Carlos Lázaro da Cruz, nas artes conhecido como “Cacau do Pandeiro”, percursionista baiano que dá nome ao projeto integrado pelo filme, uma mostra fotográfica, oficina coordenada pelo artista e palestras. Mestre de nomes importantes da MPB, como Carlinhos Brown e Juliana Ribeiro, entre outros artistas, as turnês nacionais e internacionais de Cacau do Pandeiro já o colocaram no mesmo palco com estrelas como J. Veloso, Dona Ivone Lara, Elza Soares, entre outros “pesos pesados” das artes musicais, entre os quais figura Frank Sinatra. Produzido pela KC Produções e Eventos em parceria com a produtora baiana de audiovisual Cabeça Feita, o documentário sobre o artista, todo rodado na Bahia, tem direção de Márcio Santos e será exibido ao público até o dia de março (de terça a domingo), no Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas. E quem for assistir ao filme – com projeções no horário das 8 às 19 horas – vai usufruir, ainda, de uma coleção de 30 fotografias exibidas em montagem própria para a exposição “Cacau do Pandeiro – O mundo na palma da mão”. Um trailer, apresentado por Carlinhos Brown sobre Cacau do Pandeiro, pode ser visualizado pelo link http://www.kcproducoes.com.br/inicial#!__inicial/cacau-video

 

Sobre o documentário – No filme, performances artísticas recheiam uma narrativa com depoimentos de artistas, acadêmicos, entre outros personagens que compartilham informações sobre as relações familiares, sociais e o ativismo cultural deste que é um dos representantes do chorinho em Salvador. Próximo de completar 83 anos, Cacau do Pandeiro é, entretanto, um virtuoso, cuja versatilidade não encontra fronteiras: sua atuação e talento profissionais podem ser comprovados, tanto em gêneros musicais mais tradicionais, como em grupos que experimentam novas propostas estéticas.

 

Nascido e criado na localidade de Vila Matos, no bairro boêmio do Rio Vermelho, onde ainda reside, Cacau do Pandeiro é reconhecido no meio musical como referência de profissionalismo, integridade e talento. “O principal motivo de eu aceitar o convite para dirigir este documentário foi a chance de homenagear um profissional de tamanha competência e relevância para música do Brasil. E a possibilidade de fazer isso enquanto o personagem ainda está vivo, coisa muito difícil de acontecer em nosso país” afirma o diretor Márcio Santos.

 

Sobre palestras – O projeto “Cacau do Pandeiro – O mundo na palma da mão” incluirá, ainda, a realização de quatro palestras no campo musical. Estes eventos serão abertos ao público, que poderá se inscrever através dos telefones 21-2224-3922 ou 2215-0621.

 

Serviço:

Local dos Eventos: Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas

Endereço: Rua Murtinho Nobre, 169 – Santa Teresa – Rio de Janeiro

Exibições do Documentário e Mostra fotográfica: até o dia 25 de março, das 8 às 17:00.

Palestras: dias 16, 21 e 23. Horário: 13:00 às 17:00.

Mais informações: KC Produções e Eventos (21)2261-5124 www.kcproducoes.com.br

Comentários