A Praça do Moinho do bairro Peró em Cabo Frio, na Região dos Lagos, recebe até domingo (1) a quinta edição do já tradicional Festival do Marisco, que irá oferecer 19 receitas à base do molusco, além de variadas atrações musicais. O público estimado para o festival é de oito mil pessoas.

Ao preço de R$ 10 o prato, serão servidas, em dez barraquinhas montadas ao longo da praça, iguarias como panqueca, pastel, vinagrete, empanado, a dorê, bobó, estrogonofe, à marinheira, alho e óleo, risoto, lasanha, croquete, moqueca e empadão, dentre outros pratos que compõem o cardápio do evento. Ao todo, segundo dados da Secretaria de Turismo, dez toneladas de marisco com casca foram disponibilizadas para o festival.

O Chef Marcelo Pegado, que ministrou a “Oficina de Aperfeiçoamento Gastronômico” para os cozinheiros do Festival, dará assessoria, acompanhando, pessoalmente, a movimentação das barracas e a preparação e montagem dos pratos, e coordenando a avaliação do evento que servirá de base para a análise final e organização da próxima edição.

Além das opções gastronômicas, o público presente poderá apreciar as diversas atrações musicais. Dando início à musicalidade do Festival de Marisco, na sexta-feira (29), o Projeto Social “Jardim do Éden” inicia sua apresentação a partir das 19h com muita música e dança. Depois, às 22h, é a vez do cantor Jorge Villas mostrar o seu repertório com o melhor da MPB.

Já no sábado (30), o grupo Carlo Penza Trio sobe ao palco para mostrar a originalidade de seu estilo instrumental, às 20h. Logo em seguida, a cantora Cláudia Telles se apresenta tocando MPB, às 22h.

No domingo, feriado do Dia do Trabalhador, a Orquestra de Choro Aconchego toca, ao meio-dia, o melhor do instrumental do Choro. E para encerrar a programação musical, às 16h, o grupo Jongo sobe ao palco para proporcionar ao público um pouco da magia e personalidade desta dança popular tipicamente brasileira.

Fonte: Agência Rio de Notícias

 

Comentários