Cantor faz única apresentação, dia 13 de maio, no Citibank Hall

Uma década reinventando a melhor forma de transformar o amor em samba. Em grande estilo, o cantor Belo sobe ao palco do Citibank Hall para única apresentação, no dia 13 de maio, às 23h, na Barra da Tijuca. Com ingressos a partir de R$ 30 (meia-entrada), o público poderá acompanhar o show que faz parte das comemorações de 10 anos de carreira solo do artista.

No seu décimo trabalho, Belo traz no repertório do álbum “Pra Ser Amor”, canções como “O Meu Amor é Belo” e “Tudo Outra Vez”, além de relembrar outros sucessos que marcaram a sua trajetória de puro romantismo.

Com mais de sete milhões de álbuns vendidos desde que deixou o grupo Soweto, o novo disco é belamente (sem trocadilhos) conduzido com arranjos de cordas associadas à fórmula criada por Belo.  Entre as músicas do novo álbum, estão “Direito de te Amar” e “Vem Amor”. Além disso, fugindo um pouco da calmaria das melodias, o cantor também traz o samba com groove em “Vai na Fé” e toque de balada em “Falso Adeus”, “Defeito Meu” e “O Vinho e a Flor”. O romantismo, a marca registrada do cantor, está presente também em “Conquista” e “Perde e Ganha”. O acento de samba-canção soa em “O Céu Beijando o Mar”, “Intimidade” e “Tanta Ira”. “Tudo Mudou”, “Reinventar” e grandes sucessos do cantor também estarão no repertório do show.

O cantor Belo que completa 37 anos de idade, no dia 22 deste mês, nasceu em São Paulo, mas desde 1993, quando despontou com o grupo Soweto, conquistando milhões de fãs no Brasil inteiro, adotou a cidade maravilhosa como sua casa. Após as turbulências que marcaram a sua vida fora do palco, o artista que gravou dois DVDs prepara sua biografia em livro e filme.

Serviço:

Apresentação dia 13 de maio (sexta)

Horário: 23h

Local: Citibank Hall/RJ – Av. Ayrton Senna, 3000 – Shopping Via Parque – Barra da Tijuca

Estacionamento do Shopping: R$ 5,00

Acesso para deficientes

Mais informações: 4003-6464

Site: www.t4f.com.br

Classificação etária: De 07 a 14 anos acompanhados de responsável e 15 anos desacompanhados

 

Comentários