Virados no rock

Paulo Ricardo e seu RPM retornam à ativa com show na Virada Cultural. mundonovelass.blogspot.com

(São Paulo, BR Press) – A Virada Cultural deu tão certo em São Paulo que esta, que acontece das 18h de sábado (16/04) às 18h de domingo (17/04), é a sétima edição do evento. São mais de mil – sim, você leu certo: hum mil – atrações e, para simplificar sua vida, selecionamos as atrações mais roqueiras.Rita Lee e ninguém menos que a musa rocker do Brasil, ou, se preferir, Santa Rita de Sampa.

Às atrações de rock e afins, pois:

18h – Rita Lee (palco Júlio Prestes)

A cantora paulistana, que diria, estreia na Virada Cultural fazendo o show de abertura na praça Júlio Prestes. Rita apresenta sua nova turnê, Etc, em que canta – mais uma vez – seus maiores sucessos, incluindo Ovelha Negra, Doce Vampiro, Mania de Você e aquelas outras que se costuma tocar em rodinhas de violão.

3h – Skatalites (palco São João)

O lendário grupo jamaicano é uma das principais atrações do palco dedicado ao ska – reggae com pé no rock –, dub e aos ritmos latinos. O Skatalites é tido como um dos fundadores do ska na década de 1960, e até hoje continua um dos nomes mais influentes do gênero. Ao longo de sua carreira, a banda já tocou com Bob Marley, Peter Tosh e Bunny Wailer – para citar apenas o supra-sumo da reggae music.

2h – Misfits (palco Júlio Prestes)

O Misfits é um dos poucos veteranos do punk-rock ainda na ativa. Surgido em 1977 na cidade de Lodi, no Estado americano de Nova Jersey – quase alí, na esquina do olho do furacão nova-iorquino comandado pelos Ramones. Não é de se espantar que os Misfits tenham influenciando o thrash metal, notoriamente o Metallica.

15h – Mad Professor (palco São João)

Tem mais jamaicano na Virada: Mad Professor, um dos grandes nomes do dub. Ele vai apresentar um set como DJ chapado de grooves hipnóticos. O produtor – ou melhor, professor – tamnbém trabalhou com grandes nomes do reggae como Pato Banton e Sly And Robbie, inveredando para a música eletrônica ao colaborar com o Massive Attack.

17h – Stell Pulse (palco São João)

Mais reggae. Desta vez, fruto do imigração de jamaicanos à Inglaterra.

18h – RPM (palco Júlio Prestes)
A banda volta à ativa na Virada – tentando resgatara o sucesso sem precedents que que fizeram, na onda do rock brasileiro dos anos 80. É a segunda tentativa de Paulo Ricardo e cia, que, m breve, promete um disco de inéditas. Enquanto ele não vem, a banda vai de velhos hits, como Olhar 43, Loiras Geladas e Rádio Pirata.

18h – Jorge Mautner (palco 15 de Novembro)
Como referência ao cunho rocker da Tropicália, vale conferir e sempre loucão Jorge Mautner, que conviveu com Caetano e Gil no exílio em Londres, e merece o respeito de todo roqueiro, por ser autor do clássico Maracatu Atômico, bombástico na versão mangue beat, de Chico Sciense.
Todos os shows são gratuitos.

 

Pela Web

loading...

você pode gostar também Mais do autor