Começa amanhã a tão aguardada turnê da cantora e compositora Amy Winehouse pelo Brasil. A artista se apresenta pela primeira vez em solo brasileiro e faz abertura de shows internacionais no país.

A repercussão da vinda de Amy foi tão positiva que a cantora fará uma apresentação extra devido ao esgotamento dos ingressos de sua primeira apresentação no Rio de Janeiro. Além da cidade maravilhosa Amy também cantará em Florianópolis, Recife e São Paulo.

Conhecida por seu talento e por seu conturbado envolvimento com drogas e álcool a cantora é um dos novos expoentes da soul music mundial e mesmo não sendo um exemplo de bom comportamento atrai fãs de todo o mundo.

Uma das mais controversas, carismáticas e talentosas artistas da atualidade, Amy Winehouse nasceu em um subúrbio de Londres e cresceu em uma família judia, filha de um motorista de táxi e uma farmacêutica. Por volta dos dez anos, fundou uma banda amadora e aos 13 anos ganhou a sua primeira guitarra elétrica. Aos 16, começou a cantar profissionalmente ao lado de um amigo, o cantor de soul Tyler James. Antes de assinar o contrato com a Island Records, Amy cantava e tocava em pubs de Londres. Seu primeiro álbum, Frank, lançado em 2003 pela Island Records, foi um sucesso de vendas e de crítica, e o segundo, de 2006, Back to Black, deu a ela cinco Prêmios Grammy. Em fevereiro de 2007 ganhou um Brit Award como Melhor Artista Feminina Britânica e quatro meses depois, recebia o Mojo Awards pela melhor canção do ano. O terceiro álbum de Amy Winehouse está sendo produzido desde 2008 e deverá ser lançado no começo de 2011.

A abertura das apresentações de Winehouse no Brasil  ficam a cargo da cantora, compositora e bailarina norte-americana Janelle Monae tornou-se uma das divas do soul e aclamada pela crítica pelo lançamento em 2008 do álbum Metropolis: Suite I (The Chase), que lhe deu uma indicação para o Grammy de melhor performance urbana/alternativa pelo single “Many Moons”. Seu último álbum, The Arch Android, lançado em maio de 2010, foi recebido entusiasticamente pela crítica, que o descreve como “uma obsessão da artista pela ficção científica e pela música soul dos anos 60 que pode levá-la a se tornar a pop star mais interessante desta década.”

Os shows no Brasil são considerados uma prova de fogo para a contara que tenta recuperar sua imagem arranhada pelos escândalos em que se envolveu. Mas se deixarmos de Aldo a vida pessoal da cantora teremos uma artista de um gabarito inquestionável se apresentando em nosso país. A temporada de shows internacionais começa muito bem.

 

Serviço

 

Florianópolis

 

Quando: 8 de janeiro

 

Onde: Summer Soul Festival – Clube Pacha – Rod. Maurício Sirotsky Sobrinho, 2500, Jurerê Internacional

 

Preço: R$ 100 a R$ 600

 

Rio de Janeiro

 

Quando: 10 e 11 de janeiro

 

Onde: HSBC Arena – Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Barra da Tijuca Preço: R$ 180 a R$ 700

 

Recife

 

Quando: 13 de janeiro

 

Onde: Centro de Convenções de Pernambuco – Avenida Professor Andrade Bezerra, s/n, Salgadinho

 

Preço: R$ 200 e R$ 300

 

São Paulo

 

Quando: 15 de janeiro

 

Onde: Arena Anhembi – Avenida Olavo Fontura, 1209, Santana

 

Preço: R$ 200 e R$ 500

 

Informações: www.livepass.com.br e pelo telefone 4003-1527.

 

Tags: amy, winehouse

08/01/2011 – Florianópolis/SC

11/01/2011 – Rio de Janeiro/RJ

13/01/2011 – Recife/PE

15/01/2011 – São Paulo/SP

Comentários