A banda que atuou no dia de maior público da história do festival, com 250 mil pessoas, está de volta em data que contará também com o rock britânico do Snow Patrol e brasileiro do Capital Inicial 

Consagrado no mundo inteiro como um dos mais importantes grupos da história do rock ’n’ roll, o Red Hot Chili Peppers será a grande atração do “Dia Rock” do Rock in Rio, que, após quatro edições em Lisboa e duas em Madri, voltará a ser realizado em terras brasileiras de 23 de setembro a 2 de outubro de 2011. Os americanos assumirão o comando do Palco Mundo, na nova Cidade do Rock, no dia 24 de setembro, segunda noite do evento, e dividirão a tarefa de representar o rock com a banda britânica Snow Patrol e a brasileira Capital Inicial, entre outros nomes a serem anunciados nos róximos meses. A partir da próxima sexta, dia 19, o primeiro lote de ingressos estará à venda por meio do site oficial do festival.

Formado em 1983, o Red Hot Chili Peppers entrou para a história do rock ao misturar punk, funk e psicodelia. A vinda do grupo californiano que já vendeu mais de 50 milhões de discos garante um show antológico por pelo menos dois motivos: além de marcar o seu retorno ao festival que, em 2001, reuniu na Cidade do Rock o maior público de sua carreira ― foram 250 mil pessoas, também o recorde de todos os Rock in Rio ―, o Red Hot Chili Peppers estará de volta aos palcos após um hiato de quatro anos.

Do outro lado do Atlântico vêm os escoceses e irlandeses do Snow Patrol. Formada em 1994, a banda ficou conhecida internacionalmente com hits como “Run”, do terceiro álbum, Final Straw (2004), e “Open Your Eyes” e “Chasing Cars”, do quarto, Eyes Open (2006). A última conquistou o título de música mais tocada da primeira década dos anos 2000 no Reino Unido segundo a empresa de licenciamento PPL. Entre os planos para 2011 está o lançamento de um novo disco, que irá suceder A Hundred Million Suns (2008).

Para representar o rock brasileiro, a produção do Rock in Rio escalou o Capital Inicial. Com quase 30 anos de estrada, o Capital tem um público formado tanto pela geração que acompanhou a sua gênese quanto por jovens que ainda nem sonhavam em nascer no início dos anos 1980, quando a banda surgiu em Brasília a partir da dissolução do Aborto Elétrico, que originaria ainda o Legião Urbana. A apresentação coroa o ótimo relacionamento entre o Rock in Rio e o Capital Inicial, que participou das segunda (1991) e terceira (2001) edições brasileiras do evento. Além de sucessos da carreira, como “Fátima”, “Veraneio Vascaína”, “Independência” e “Primeiros Erros”, Dinho Ouro Preto (vocal), Fê Lemos (bateria), Flávio Lemos (baixo) e Yves Passarell (guitarra) apresentarão canções do seu mais recente trabalho, Das Kapital, lançado este ano.

A divulgação de atrações de peso como Red Hot Chili Peppers, Snow Patrol e Capital Inicial com quase um ano de antecedência deixa a certeza de que este Rock in Rio reunirá mais uma vez os maiores nomes do rock e do pop mundial ― nacionais e estrangeiros, clássicos e contemporâneos ―, oferecendo ao público brasileiro uma prévia do que será o retorno ao Rio de Janeiro do maior evento de entretenimento e música do planeta.Ainda nos próximos meses a produção do festival anunciará os nomes nacionais e internacionais que se apresentarão na mesma data no Palco Sunset.

A confirmação dos três nomes acontece logo após o anúncio da programação do “Dia Metal”, que contará com Metallica, Sepultura e Angra.A partir da próxima sexta, dia 19, o público poderá adquirir por meio do site oficial do festival (www.rockinrio.com.br) o Rock in Rio Card, uma espécie de voucher para aqueles que não querem perder a chance de garantir com antecedência seus lugares nesta grande festa.

A organização disponibilizará um lote limitado de ingressos a R$ 190 (inteira) e R$ 95 (meia-entrada). Depois de anunciada a programação completa, os que adquiriram o ingresso terão a possibilidade de escolher a data de sua preferência para ir ao Rock in Rio. A troca pelo bilhete será feita a partir do dia 11 de janeiro — antes da venda oficial, garantindo que a data escolhida não esteja esgotada.

Comentários